Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Gomose de acácia-negra: etiologia, análise temporal, perdas e controle genético.

By A. F. D. SANTOS, E. D. M. N. LUZ, L. A. MAFFIA and J. T. de. SOUZA

Abstract

A gomose é um dos mais sérios problemas fitossanitários da acácia-negra (Acacia mearnsii) no Rio Grande do Sul. Este trabalho teve como objetivos: 1) identificar a(s) espécie(s) de Phytophthora associada(s) à gomose; 2) analisar a distribuição temporal da gomose; 3) quantificar as perdas causadas pela doença; e 4) agrupar os materiais genéticos de acácia-negra de acordo com o nível de resistência à gomose. Os principais resultados foram: Phytophthora nicotianae e P.boehmeriae são os agentes causais da gomose da acácia-negra no Brasil. A gomose de Phytophthora foi encontrada em todos os plantios de acácia-negra e, no levantamento, evidenciou-se a predominância de P. nicotianae, mostrando que este patógeno é o principal agente da gomose da acácia-negra no Brasil. As avaliações em plantios comerciais em idade de corte apresentaram até 48 % de indivíduos atacados. Tanto plantas mortas por outras causas quanto plantas mortas por gomose cresceram exponencialmente, e as mortes começaram a partir do 34º mês. Os dados mostraram perdas de produção de até 3,5 % para casca e até 0,5 % para madeira nas árvores com gomose. Tanto por infecção natural quanto por inoculação artificial, ocorreram variações entre as procedências quanto a resistência à gomose.20071 CD-ROM

Topics: Espécie exótica, Gomose, Fitopatógeno, Doença de planta, Acácia negra
Publisher: Colombo: Embrapa Florestas, 2007.
Year: 2008
OAI identifier: oai:www.infoteca.cnptia.embrapa.br:doc/312305
Provided by: Infoteca-e

Suggested articles


To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.