Article thumbnail

Determinants of satisfaction in private interest associations: an application with producers of cane sugar in Brazil

By Priscilla Mendes Machado Matos

Abstract

A partir do início da década de 90, com a desregulamentação do setor, os produtores de cana-de-açúcar do Brasil passaram a ser livres para se juntarem voluntariamente à associação do seu agrado. O caráter voluntário passou a posicionar o associado como cliente da associação e, portanto, atrair e manter membros tornou-se essencial para a perpetuação das associações, bem como compreender o que os conduz à satisfação. Nesse contexto, o presente estudo teve como objetivo identificar os elementos que determinam a satisfação apresentada pelos produtores de cana-de-açúcar com as associações da qual fazem parte. Baseado na literatura foi desenvolvido um modelo composto por seis variáveis independentes aglomeradas em dois tipos: benefícios individuais (vantagem econômica, contatos, serviços seletivos) e benefícios coletivos (serviços coletivos, representação, lobby). O modelo também foi composto por quatro variáveis moderadoras: tamanho da associação, heterogeneidade da associação, comunicação face-a-face com a associação e informações sobre ações passadas. Para o alcance do objetivo e teste do modelo, foi realizada uma pesquisa de caráter quantitativo e explicativo, por meio de 230 questionários válidos aplicados diretamente aos produtores durante eventos. Para a verificação do modelo elaborado, foram realizadas análises descritivas, testes de correlação, de regressão linear múltipla e de moderação. Os resultados identificaram que todas as seis variáveis independentes apresentam correlação positiva com a satisfação, indicando haver uma relação positiva entre elas e a satisfação. Entretanto, apenas três delas apresentaram um efeito significativo na regressão linear múltipla: vantagem econômica (?=0,461), representação (?=0,437) e serviços seletivos (?=0,115). Os resultados também mostraram que os aspectos individuais influenciam mais a satisfação dos produtores do que os aspectos coletivos. Por fim, os resultados indicaram que a heterogeneidade da associação e a comunicação face-a-face apresentaram um efeito moderador sobre a relação entre vantagem econômica e satisfação e a heterogeneidade e informações sobre ações passadas apresentaram um efeito moderador sobre a relação entre representação e satisfação.From the beginning of the 90s, with the deregulation of the sector, producers of sugarcane in Brazil became free to voluntarily join the association of their liking. The voluntary character passed the position members as customers and therefore attract and retain members and understanding what leads to satisfaction has become essential to the perpetuation of the associations. In this context, the study aimed to identify the elements that determine the satisfaction displayed by sugar cane producers, the Center-South region of Brazil, with the associations they belong to. Based on the literature, it was developed a model composed of six independent variables clustered into two types: individual benefits (economic advantage, contacts, selective services) and collective benefits (collective services, representation, lobbying). The model was also composed by four moderating variables: size of the association, heterogeneity of the association, face-to-face communication and information about past actions. For the data analysis and model test, a quantitative and explanatory research was performed, through 230 valid questionnaires, applied directly to producers during events. Descriptive analysis, correlation test, multiple linear regression and moderation test were used. The results showed that all independent variables are positively correlated with satisfaction, indicating a positive relationship between them and the satisfaction. However, only three of them have had a significant effect on multiple linear regression: economic advantage (? = 0.461), representation (? = 0.437) and selective services (? = 0.115). The results also showed that individual aspects influence satisfaction more than the collective aspects. Finally, the results indicated that the heterogeneity of the association and face-to-face communication had a moderating effect on the relationship between economic benefit and satisfaction and heterogeneity and information about past actions had a moderating effect on the relationship between representation and satisfaction

Topics: Ação coletiva, Antecessores da satisfação, Associativismo, Satisfação, Associations, Collective action, Predecessors of satisfaction, Satisfaction
Publisher: 'Universidade de Sao Paulo, Agencia USP de Gestao da Informacao Academica (AGUIA)'
Year: 2017
DOI identifier: 10.11606/D.96.2017.tde-01022017-150233
OAI identifier: oai:teses.usp.br:tde-01022017-150233
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.teses.usp.br/teses/... (external link)

  • To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.

    Suggested articles