Article thumbnail

A Revolução, a nação e a paz

By Domenico Losurdo

Abstract

Procura-se aqui analisar a noção de "paz perpétua" e de "exportação da revolução" à luz das experiências da Revolução Francesa e da Revolução de Outubro, considerando o debate precedente e sucessivo a essas experiências revolucionárias, acentuando a novidade representada pela Revolução Francesa e, enfim, criticando as análises segundo as quais a tradição política que vai da Revolução Francesa à Revolução de Outubro forjou, com o universalismo, o instrumento ideológico para justificar um intervencionismo universal

Topics: Revolução Francesa, Revolução de Outubro, Paz perpétua, Colonialismo
Publisher: Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo
Year: 2008
DOI identifier: 10.1590/s0103-40142008000100003
OAI identifier: oai:periodicos.ibict.br.EstudosAvancados:oai:scielo:S0103-40142008000100003
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.scielo.br/scielo.ph... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.