Article thumbnail

Mapeamento geoestatístico dos parâmetros Nspt e torque máximo de solos em parte da bacia do Ribeirão Cambezinho em Londrina/PR

By Daniel Fermino da Silva

Abstract

O presente estudo teve como objetivo não só o do mapeamento dos parâmetros geotécnicos de resistência à penetração do amostrador-padrão e de Torque Máximo do SPT-T (Standard Penetration Test with Torque Measurement), obtidos a partir de um banco de 238 sondagens realizadas na bacia hidrográfica do ribeirão Cambezinho, que compreende parte da zona urbana da cidade de Londrina/Pr, mas também de correlacionar estas variáveis qualitativamente a fatores tais como a topografia e pedologia. A área em estudo foi de aproximadamente 37 Km². O perfil de solo da área de estudo se constitui de argila siltosa residual, proveniente do intemperismo atuante sobre as rochas basálticas da Formação Serra Geral. A camada de solo superficial possui alta porosidade e comportamentos laterítico e colapsível. Através de ferramentas da estatística descritiva e da estatística espacial, procederam-se a análise, a interpolação e a interpretação dos resultados das sondagens no que se refere ao Torque Máximo e ao NSPT. Estes resultados foram geoprocessados e analisados juntamente com os fatores naturais anteriormente descritos através de mapas topográficos e pedológicos. A principio, para a área urbana da bacia do ribeirão Cambezinho, não se detectou nenhuma correlação entre os índices de resistência do solo medidos no SPT-T e a pedologia ou topografia. Percebeu-se porém que o comportamento espacial da relação dos índices de resistência medidos no SPT-T, NSPT e Torque Máximo, é semelhante ao observado na análise de sondagens isoladas, ou seja, resguardam uma proporção de aproximadamente 1, e que quanto maior o grau de intemperização sofrido pelo solo menor é à resistência que o mesmo apresenta.This study has as its objective to map the resistance geotechnical parameters of NSPT and Maximum Torque, obtained from a data bank of 238 field tests of SPT-T (Standard Penetration Test with Torque Measurement) done in the Cambezinho hydrographic creek basin, that comprehends part of urban zone of the city of Londrina/Pr and to correlate these variables to factors as topography and pedology. The experimental area has approximately 37 km². The geotechnical profile of the experimental area consists in a residual silty clay that originates from the intemperism acting on the basaltic rocks of the Serra Geral Formation. The superficial layer has a high porosity and lateritic and collapsible behavior. Through descriptive and spatial statistics tools were done the analysis, interpolation and the interpretation of the results of the field tests about the Maximum Torque and NSPT measured. Then, the results were geoprocessed and analyzed along with the natural factors explained above through altimetric and pedologic maps. In an early analyses, it was not realized any relation among the SPT-T parameters and the pedology or topography, inside the urban zone of the Cambezinho creek basin. However, it was realized that the spacial behavior of the relation between the resistance parameters measured in the SPT-T ,NSPT and Maximum Torque, is the same as observed in the analyses of isolated tests field, which means that they are approximately equal, and as the bigger is the intemperization level that the soil has suffered the smaller is the resistance it reaches

Topics: Geologia - Métodos estatísticos, Mapeamento do solo, Fundações (Engenharia), Geology, Statistical methods, Soil mapping
Publisher: Universidade Estadual de Londrina. Centro de Tecnologia e Urbanismo. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Edificações e Saneamento.
Year: 2008
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UEL:oai:uel.br:vtls000149824
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.bibliotecadigital.u... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.