Location of Repository

Solidão, depressão e qualidade de vida em idosos : um estudo avaliativo exploratório e implementação-piloto de um programa de intervenção

By Liliana Márcia Fernandes Teixeira

Abstract

Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica da Saúde e da Doença), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2010A presente investigação debruçou-se sobre o estudo da depressão, da solidão e da qualidade de vida em idosos. Na vertente avaliativa exploratória pretendeu-se estudar a depressão, a solidão, a qualidade de vida, e a relação existente entre estas variáveis, numa amostra de 22 idosos. Além disso, procurou-se avaliar a influência de variáveis sócio-demográficas, como o meio de residência do idoso (rural e urbano), na percepção da solidão, da depressão e da qualidade de vida. A vertente interventiva, concretizada numa subamostra de 6 idosos, pretendeu verificar se a implementação-piloto de um programa de intervenção produzia alterações ao nível da solidão, da depressão e da qualidade de vida. Procurou-se também avaliar a satisfação dos idosos com o programa e perceber a importância deste tipo de intervenção. Em ambos os estudos recorreu-se a quatro instrumentos de avaliação: Avaliação Breve do Estado Mental; Escala de Depressão Geriátrica; Escala de Solidão da UCLA e WHOQOL-BREF (versão portuguesa). Demonstrou-se a existência de correlações positivas entre a depressão e a solidão, e negativas entre a qualidade de vida e as duas anteriores. Comprovou-se ainda que algumas variáveis sócio-demográficas, como o meio de residência e a satisfação com a relação com os amigos, influenciam a percepção da solidão, da depressão e da qualidade de vida. Verificou-se que a implementação-piloto do programa teve efeitos positivos ao nível das variáveis mencionadas, sendo que os idosos manifestaram-se bastante satisfeitos com o mesmo. Concluiu-se que a implementação deste tipo de programa é sobretudo essencial na promoção de relações sociais nos idosos.This research focused on the study of depression, loneliness and the quality of life of the elderly. In terms of exploratory evaluation, this study is aimed towards depression, loneliness, quality of life, and the relation between these variables, in a sample of 22 elderly people. In addition, we sought to evaluate the influence of socio-demographic variables, like the residential areas (rural and urban), in perception of loneliness, depression and quality of life. Interventional section, carried out in a subsample of 6 elderly people, sought to check whether the pilot implementation of an intervention program produced changes in the level of loneliness, depression and quality of life. This study also sought to evaluate the satisfaction of the elderly with the program and realize the importance of this type of intervention. In both studies we used four assessment instruments: Mini-Mental State Examination, Geriatric Depression Scale, UCLA Loneliness Scale and WHOQOL-BREF (Portuguese version). There was existence of positive correlations between depression and loneliness, and negative associations between the quality of life and the previous two. It was shown that even some socio-demographic, as the residential areas and satisfaction with the relationship with friends, influence the perception of loneliness, depression and quality of life. It was found that the pilot implementation of the program had positive effects on the variables mentioned, and the elderly were quite pleased with it. It was concluded that implementation of this type of program is especially essential in the promotion of social relations in the elderly

Topics: Depressão (psicologia), Qualidade de vida - Portugal, Promoção da saúde - Portugal, Teses de mestrado - 2010
Year: 2010
OAI identifier: oai:repositorio.ul.pt:10451/2608

Suggested articles

Preview


To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.