Location of Repository

Araneofauna de pomares de laranja Valência nos Vales do Caí e\ud Taquari, Rio Grande do Sul, Brasil.

By Ana P. Ott, Ricardo Ott and Vera R. S. Wolff

Abstract

Assembléias de aranhas da vegetação herbácea foram amostradas com rede-de-varredura em dois pomares de laranja doce(Citrus sinensis) no sul do Brasil. Cada pomar amostrado é caracterizado por receber um diferente tipo de manejo: “tradicional” ou “ecológico”. Adicionalmente, foi amostrada a assembléia de aranhas das laranjeiras do pomar com manejo “ecológico” através do uso de guarda-chuva japonês. No total foram coletadas 3.876 aranhas, 2.379 nas laranjeiras do pomar de manejo “ecológico” e 1.497 junto à\ud vegetação herbácea de ambos pomares; foram registradas 99 espécies de 17 famílias de aranhas; Oxyopes salticus Hentz, 1845 (Oxyopidae)foi a aranha mais abundante na vegetação herbácea e Sphecozone cristata Millidge, 1991 (Linyphiidae) a mais abundante nas laranjeiras. Aranhas errantes foram mais abundantes em ambos tipos de vegetação. A araneofauna da vegetação herbácea nos pomares com diferentes manejos não apresentou diferenças significativas na diversidade (H’= 2,13 – “ecológico”; 2,24 – “tradicional”); a diversidade foi menor nas laranjeiras (H’=1,95). Em razão de terem sido utilizados diferentes métodos de coleta nas amostragens entre os microhabitats, o índice de Jaccard (17,5%) indicou baixa similaridade entre as assembléias

Topics: Fruit and berries, Crop health, quality, protection
Year: 2007
DOI identifier: 10.1590/S0073-47212007000300017
OAI identifier: oai:orgprints.org:20310
Provided by: Organic Eprints

Suggested articles

Preview


To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.